Regulamento Geral

Este evento seguirá o Regulamento da 8ª Região Tradicionalista do MTG-RS.
AS ARMADAS SERÃO CERRADAS.
A raia será queimada pelo cavalo.
O laçador, patrocinador ou qualquer indivíduo que venham causar desordem estão sujeito a desclassificação da prova e ou expulsão do evento.
É expressamente proibido o uso de laço sintético, se houver suspeita pela comissão julgadora os laços poderão ser lixados, se confirmado desclassificado automaticamente da prova.
Toda e qualquer espécie de maus tratos aos animais serão repudiados pelo evento, sujeito a desclassificação da prova e ou expulsão do evento.
Nas modalidades Taça Cidade, Taça Romil Energy, Quartetos, Laço Seleção de Regiões, Dupla Oficial do Rodeio, Dupla Cavalo Crioulo e Dupla Cavalo Quarto de Milha só poderão se inscrever laçadores da mesma Região Tradicionalista.
Nas modalidades Laço Geração, Pai e Filho, Pai e Filha, Mãe e Filho, Mãe e Filha e Irmãos, será exigido documento constando a filiação ou documento judicial reconhecendo a paternidade.
O laçador só poderá laçar por uma região tradicionalista, caso possua vínculo em outro MTG terá que optar em somente representar uma entidade durante todo o evento. Sendo vinculado a algum MTG estará impossibilitado de representar entidades sem vínculo algum.
É de responsabilidade do laçador possuir o cartão tradicionalista de onde mencionou estar representando, o qual informou no momento da inscrição, sendo que os vencedores para receberem a premiação, obrigatoriamente, deverão apresentar RG e cartão tradicionalista, que passará por análise da comissão organizadora do evento.
Os participantes “menores de idade” – 18 anos incompletos – deverão ter consigo uma autorização por escrito dos pais ou responsáveis para poderem participar das provas campeiras.
Em todas as laçadas (exceto Duplas Oficial do Rodeio força “A”), se necessário for, haverá encurtamento de raia ou utilização de gado mocho.
Não haverá trocas de nomes em planilhas.
Inscrições doadas aos quadros de laçadores do CTG Porteira do Rio Grande deverão ser inscritas antecipadamente, somente na secretaria do CTG até o dia 20/01/2020.
Será exigido, obrigatoriamente, a apresentação de documento CPF do competidor no momento da inscrição.
Será criada uma comissão específica para julgar imediatamente casos que venham a ocorrer durante a realização do evento, a qual será criada pela comissão organizadora do evento.
O CTG Porteira do Rio Grande não se responsabilizará por qualquer acidente com pessoas e animais ou incidente, roubo, arrombamento que pode acontecer dentro do parque de rodeio durante o evento.
O Promotor do Evento reserva-se o direito de alterar a programação, bem como, o horário das mesmas.
Será exigido GTA (Exame de Mormo, Anemia Infecciosa e Vacina da Influenza Equina).
Casos omissos a esse regulamento serão definidos pela comissão julgadora, patronagem do CTG Porteira do Rio Grande e comissão específica criada no evento.

Compartilhe...